Conquista paga caro na tentativa de economizar migalhas

Autor(a): Márcio Martins em 18 de Janeiro de 2010 22:02

O Vitória da Conquista foi surpreendido pelo seu torcedor na estreia do Campeonato Baiano. A diretoria pediu três mil ingressos para a Federação Bahiana, mas o número de torcedores no Estádio foi maior, então, a diretoria teve de abrir o portão do Estádio Lomanto Junior para que todos acompanhassem a partida.

 

A ordem para que os portões fossem abertos foi dada pelo presidente da FBF, Ednaldo Rodrigues, ao delegado financeiro na partida, Walter Luíz, ao perceber que haveria tumulto  em virtude do grande número de torcedores do lado de fora em busca de bilhetes para assistir ao jogo contra o Ipitanga.

 

Cerca de 800 torcedores foram liberados com a abertura dos portões em Conquista e entraram sem pagar ingresso.

 

O presidente do Conquista, Ederlaine Amorim, justificou o pedido de apenas 3 mil ingressos com o mal tempo na cidade, além da falta de apelo para a partida. Uma economia que acabou custando caro para o seu clube. Na tentativa de economizar migalhas com a confecção dos bilhetes, teve que arcar com o desgaste e a entrada da torcida sem pagar.


Whatsapp
Mande um Comentário
Os comentários não representam a opinião do portal Galáticos Online. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Mais noticias


Ver todos

Publicidade

Fotos

Publicidade

Publicidade