Web Stories

Monitorado pelo Bahia, meio-campista avalia proposta de clube da Arábia Saudita, revela jornalista

Presidente do Palmeiras se manifesta em meio à negociação de atacante: "Chegou ao fim o ciclo"

Clube brasileiro surpreende e anuncia acordo para venda de jovem promessa ao futebol inglês; confira

Sergio Ramos deixa o Sevilla e tem futuro indefinido; saiba detalhes

Entrevistas

Fábio Mota comenta chegada de reforços para o Brasileirão

Fábio Mota revela a chegada de quatro novos jogadores nesta semana -  MeuVitóriaO Vitória surpreendeu na reta final da primeira janela de transferências e, "aos 45 do segundo-tempo", anunciou as contratações de Luiz Adriano, Luan, Léo Naldi e Jean Mota.

Os nomes agradaram à torcida Rubro-Negra e logo geraram dúvidas de como o clube viabilizou a chegada destes reforços. Em entrevista coletiva nesta quinta-feira (7), o presidente Fábio Mota revelou que o Leão pagou por quase todos os reforços à vista.

"Fomos buscar o Jean Mota, uma busca arrojada, não pelos 350 mil dólares que pagamos, mas pelo que ele vai ganhar também. A mesma coisa o Luiz Adriano. Pelo nível de folha que vamos ter agora. A partir de 1º do próximo mês, a folha do Vitória passa a ser de mais do que o dobro da folha da Série B. O Léo Naldi foi comprado e pago, o Castilho foi comprado e pago, o Dudu foi comprado e pago, o Matheusinho foi comprado e pago. Só o Daniel Jr foi parcelado. Se eu sair hoje do Vitória, a única dívida que deixo é o parcelamento do Daniel Jr. O resto já é tudo ativo do Vitória. Léo Naldi compramos 70% por R$ 3 milhões. Jean Mota é 100% nosso. Ambos com três anos de contrato. Só o Luan e o Reynaldo vieram por empréstimo", disse.

O dirigente tambem explicou a atuação no mercado e afirmou que ainda busca contratações para ter o elenco ideal. "Trabalhamos muito para manter uma base para o Baiano e a Copa do Nordeste. A ideia era fazer um campeonato forte. O primeiro objetivo conseguimos, que ra a classificação para a segunda fase do Baiano. Agora, temos o objetivo principal de sermos campeões baianos e também buscar a classificação na Copa do Noreste e deois o título. Sempre disse que reforçaria o time para o Brasileiro e fizemos isso. Vamos começar o Brasileiro com esses reforços anunciados. Teremos uma nova janela de 2 a 19 de abril, para atletas que estão jogando campeonatos estaduais, e a gente continua monitorando. Ainda pretendemos trazer de três a quatro atletas. Depois disso, só poderemos contratar em julho". 

"Nós queremos ter três opções para cada posição. Sabemos que precisamos de mais um lateral-direito, pois esquerdo já temos dois e o Felipe Garcia, que está se recuperando. volante já temos seis, três para cada posição. Precisamos também de mais um zagueiro, pretendemos trazer mais um goleiro e, talvez mais para frente, mais um (atacante) beirada", completou.

Sobre o zagueiro Maicon, do Vasco, Mota admitiu que não deu tempo d etrazer o defensor nesta janela, mas afirmou que as negociações para trazer o atleta posteriormente continuam. "Para a janela de hoje não vamos conseguir trazer o Maicon. Existe o interesse do atleta pelo clube e existe o interesse do clube pelo atleta. A gente vai continuar conversando. Sabemos que precisamos de mais um zagueiro".

Confira abaixo mais trechos da entrevista:

Sou Mais Vitória

Acreditamos muito na torcida. A folha do Vitória, hoje, está projetada para termos 50 mil sócios e ficarmos bem. O torcedor precisa se associar. Vamos fazer a semana do torcedor, para tentar mais associações antes do Campeonato Brasileiro. Vamos também fazer uma ação para as mulheres, no mês das mulheres.

Negociações para a Arena Fatal Model Barradão

Tivemos uma reunião segunda-feira, até tarde, com eles. Trocamos ideia. Eles querem também um orçamento e entregamos. Todo mundo sabe o que queremos com esse dinheiro, que é cobrir o Barradão. Eles também estão em fase de estudos com a imprensa, emissoras de TV, de como seria essa relação, até porque é um site de acompanhantes. Mas, estamos otimistas e esperamos em breve convocar uma coletiva para anunciar isso.

Foto: Victor Ferreira/EC Vitória

Frase da semana

Carpini valoriza empate fora de casa e destaca evolução do Vitória: "seguimos ac

"Eu gostei muito do jogo do Cuiabá. A gente sempre joga para vencer, mas é preciso entender também o momento da equipe, que é de reconstrução. Tem todo o aspecto emocional. Então, por eu gostar do que vi no Cuiabá, e por ter a ideia de travar o jogo, de controlar mais, não deixar o jogo aberto, por esse motivo eu repeti a escalação", disse Carpini.

Baixe o nosso App

Enquete

Em qual posição o Vitória deve "investir pesado" na janela de julho?

SIGA-NOS

GRUPO

© Copyright Galáticos Online. All Rights Reserved

Designed by