Com gol de Titi, Bahia vence o Paraná e dorme líder da Série B

por Yuri Barreto (@galaticosonline) em 29 de Maio de 2015 23:41 com 0 Comentário em Bahia

Apesar da vantagem numérica de um homem a mais nos últimos 20 minutos de jogo, o Bahia não teve facilidades para vencer o Paraná na Arena Fonte Nova. Mas, o gol salvador de Titi, ainda no primeiro tempo, foi suficiente para dar o triunfo por 1 a 0 ao Tricolor.
 
Além da vitória, o Esquadrão assumiu a liderança da Série B. Com dez pontos, o time baiano dormirá na primeira colocação e só perderá a ponta em casos de triunfos de Náutico, por qualquer placar, ou Sampaio Corrêa e Botafogo, por quatro gols de diferença, neste sábado (30).
 
Os comandados de Sérgio Soares só voltam a campo pela Série B na próxima terça-feira (2), quando vai até o Rio de Janeiro enfrentar o Macaé, pela 5 rodada.

 
O JOGO
 
O Bahia sofreu uma baixa logo aos cinco minutos de jogo. O estreante Eduardo torceu o tornozelo e precisou ser retirado de campo. Willians Santana entrou no lugar do volante.
 
Nos primeiros 18 minutos de bola rolando, o Bahia teve maior posse de bola, mas o Paraná foi quem chegou com mais perigo ao gol.
 
Mas, aos 19, o Tricolor fez o que o adversário não conseguiu fazer: o gol. Marlon cobrou falta forte de longe, Murilo deu rebote e a bola sobrou para Titi, de pé direito, fuzilar as redes.
 
O Tricolor paranaense tentou responder aos 30. Após troca de passes com Henrique, Marcos Paraná chutou forte e a bola passou muito perto do gol.
 
Já oito minutos depois, o time baiano teve chance de aumentar e dar um grande passo rumo a vitória. Léo Gamalho fez jogada na lateral da grande área e tentou cruzar. O zagueiro cortou com a mão e o árbitro marcou pênalti. O próprio atacante foi para a cobrança, mas com excesso de confiança tentou uma cavadinha e mandou a bola por cima da trave para desperdiçar.
 
O Bahia voltou para o segundo tempo com a mesma formação, mas a demora em aumentar o placar fez com que Sérgio Soares fizesse a segunda alteração. Aos 20 minutos, ele tirou Willians Santana e colocou Yuri em campo.
 
Aos 26, o Tricolor ganhou um “reforço”. Danilo Baia fez falta dura em Zé Roberto, recebeu o segundo amarelo e foi expulso de campo. O time baiano ficou com um homem a mais.
 
O comandante tricolor aproveitou e colocou sangue novo na partida. Rômulo saiu para a entrada de Mateus. Mas, o Esquadrão não conseguiu aproveitar a vantagem numérica para aumentar o placar.
 
Bahia 1 x 0 Paraná
Série B - 4ª rodada
 
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data/Horário: 29/05/2015, às 21h50
Arbitragem: Rodrigo Batista Raposo (DF), auxiliado por José Araújo Sabino e Daniel Henrique da Silva Andrade
Cartões amarelos: Tony, Pittoni (BAH); Danilo Baia, Marcos Paraná (PAR)
Cartões vermelhos: Danilo Baia (PAR); Pittoni (BAH)
Gols: Titi (BAH)
 
Bahia
Douglas Pires; Tony, Robson, Titi e Marlon; Pittoni, Rômulo (Mateus), Tiago Real e Eduardo (Willians) (Yuri); Zé Roberto e Léo Gamalho. Técnico: Sérgio Soares.
 
Paraná
Murilo; Danilo Baia, Zé Roberto, Léo Coelho e Fernandes; Jean, Washington, Éder, Rafael Costa (Yan)e Marcos Paraná (Lucas); Henrique. Técnico: Nedo Xavier.