Sob a expectativa da estreia de Carpegiani, Bahia enfrenta o Palmeiras no Pacaembu

por Rafael Machaddo - (Twitter: @RafaelMachaddo6) em 12 de Outubro de 2017 09:37 com 1 Comentário em Bahia

Em partida que marca a estreia do técnico Paulo Cézar Carpegiani, o Bahia vai até São Paulo enfrentar a equipe do Palmeiras, às 21h desta quinta-feira (12), no estádio do Pacaembu. Enquanto o tricolor precisa vencer para se distanciar da zona de rebaixamento, o alviverde ainda sonha com a possibilidade de título e quer o triunfo para poder voltar ao G4 da Série A.

O novo comandante do Esquadrão conta com as voltas do volante Renê Junior, recuperado de lesão, além de Lucas Fonseca e Eduardo, que retornam de suspensão. Porém, não poderá contar com os suspensos Tiago e Edson, além de Thiago Martins, Matheus Sales e Allione que pertencem ao Palmeiras e não podem atuar por questões contratuais.

Mas a principal mudança no Tricolor será com relação à formação tática, onde o Bahia sairá do 4-2-3-1, utilizado desde 2016, e passando a jogar no 4-1-4-1. A única dúvida de Carpegiani é com relação à presença de Rodrigão ou Vinícius na equipe titular. Caso o meia comece jogando, Edigar Junio será deslocado para o comando de ataque.

Pelo lado dos paulistas, o técnico Cuca não pode contar com o lateral-direito Mayke, suspenso e o volante Jean, que seria o seu substituto, não participou do último treinamento e é dúvida. Com isso, caso não possa atuar, Fabiano e Tchê Tchê, improvisado, seriam as opções.

FICHA TÉCNICA
Palmeiras x Bahia – 27ª Rodada do Campeonato Brasileiro da Série A

Data e horário: Quinta-feira, 12/10, às 21h
Local: Pacaembu – São Paulo
Árbitro: Rafael Traci - PR (CBF)
Auxiliares: Ivan Carlos Bohn - PR (CBF) e Luciano Roggenbaum - PR (CBF)

Escalação Palmeiras:
Fernando Prass; Jean (Fabiano ou Tchê Tchê), Edu Dracena, Juninho e Egídio; Thiago Santos, Tchê Tchê (Bruno Henrique), Moisés e Dudu; Willian e Deyverson.
Técnico: Cuca

Escalação Bahia:
Jean; Eduardo, Rodrigo Becão, Lucas Fonseca e Juninho Capixaba; Juninho; Edigar Junio, Zé Rafael, Renê Junior e Mendoza; Rodrigão (Vinícius).
Técnico: Paulo Cézar Carpegiani

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia